10 de mar de 2013

Globo e GLBT X Pastor Marco Feliciano


COMENTÁRIO: ELISEU ANTONIO GOMES: 

Vale a pena lembrar quatro pontos importantíssimos antes de partir à matéria.

1 - O episódio em que Feliciano abordou tema sobre a maldição de Noé, tem um contexto. Foi algo digitado no Twitter, respondendo para evangélicos. E não configura em racismo, é uma interpretação teológica. A turma GLBT quer colocar essa adjetivação nele, racista, com o objetivo de prejudicar sua carreira política, enfraquecê-lo em suas costumeiras defesas de interesses da sociedade em geral.

2 - Vivemos em uma país com liberdade religiosa, e é muito feio se meter na vida alheia sem ser uma pessoa convidada, como fez quem escreveu a matéria em O Globo. Milhares de evangélicos se reúnem em templos pelo Brasil, semanalmente. São pessoas trabalhadoras, independentes, com liberdade para usar o dinheiro de seu salário da maneira que quiserem. E querem dar ofertas e dízimos. Não pedem a ninguém assessoramento financeiro. Articulista de O Globo e turma GLBT, respeite-os, não sejam invasivos!

3. Democracia. Feliciano está Deputado Federal com a escolha de 211.839 votos válidos. Eleitores, seres humanos o escolheram.

4. Retificando a nota de O Globo. O local em que Marco Feliciano aparece no vídeo não é o templo Assembleia de Deus Catedral do Avivamento, liderado por ele em Ribeirão Preto/SP, trata-se de outra igreja, é o ministério assembleiano sediado em Camburiú-SC, liderado pelo Pr. Cesino Bernadino, o evento é o Congresso  Gideões Missionários da Última Hora.
__________


Jogo pesado da Globo contra o pastor e deputado Marco Feliciano


Por Paulo Teixeira

Essa é a Globo que usa máscara Globospel para enganar a crentaiada. Globo é Globo. Não muda.

Publicado: 6/03/13 - 21h56 Atualizado: 6/03/13 - 23h03. 
“- Em vídeo que circula pelas redes sociais, o pastor Marco Feliciano (PSC-SP), indicado para presidir a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados, recolhe doações de fiéis da Assembleia de Deus, na Catedral do Avivamento, sua igreja. Feliciano aceita doações de motocicletas, pede cheques, dinheiro e anuncia recompensas divinas. Em determinado momento, com um cartão na mão, ele diz:
 - É a última vez que eu falo. Samuel de Souza doou o cartão, mas não doou a senha. Aí não vale. Depois vai pedir o milagre pra Deus e Deus não vai dar e vai falar que Deus é ruim”. 
Logo em seguida, um fiel tetraplégico anuncia que vai doar R$ 1.000. O pastor, então, diz: 
- Ele veio como murmurador. Vai voltar como o homem mais abençoado da festa. Eu ainda vou pregar com você por aí, garoto. 
As cenas de recolhimento de dinheiro prosseguem. Marco Feliciano afirma que R$ 500 é o suficiente: 
- Tem mais (dinheiro) aqui na frente? Glória a Jesus! - diz ele, pegando um cheque - Deixa eu ver o sobrenome dele? Feliz de Souza (risos). Mais um (cheque). Amém, amém. Tem gente que diz: 'Pastor, pastor, R$ 1.000 eu não aguento’. Traga R$ 500. Você só não pode é perder a benção. Quem crê dá um jeito. 
 Fonte: O Globo
COMENTÁRIO HOLOFOTE NET:

O Deputado Marco Feliciano está sofrendo esta semana um dos maiores furacões de sua vida parlamentar: o movimento LGBT de todo o Brasil uniu-se para tentar impedir que ela assuma a presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados.

Agora vem a Globo com denúncias contra o pastor. Tudo para fazer coro aos LGBT e tentar impedir que o pastor Feliciano assuma de fato a citada Comissão.

Um dos mais vorazes contra o Marco Feliciano na CDH é o deputado e ativista gay Jean Wyllys (que, acreditem, foi recebido com tapete vermelho no dia 28 de fevereiro de 2013 na Universidade Presbiteriana Mackenzie para falar de agenda gay).

O que tem a ver a forma equivocada de ser pedir oferta em um culto evangélico com a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados? NADA.

Para quem anda pensando que a Globo se converteu só por causa dos Festivais Promessas, ou da cobertura das Marchas Para Jesus, ou da Feira Internacional Cristã, ENGANA-SE e MUUUUUUITO.

Quando deve haver algum interesse da Globo, ela o prioriza, mesmo que tenha que massacrar algum evangélico para depois afagá-lo.

Enquanto mais de 100 MIL cristãos já assinaram a petição para que Feliciano assuma a presidência da Comissão, neste momento a Globo prefere tirar a máscara Globospel e voltar a ser o que sempre foi: amiga do movimento LGBT.

Não estou aqui defendendo a forma como pastor Marco Feliciano agiu ao pedir a oferta. Discordo totalmente da forma como agiu, todavia a maneira desonesta como a Globo está agindo é de deixar qualquer ser consciente indignado.

A DITADURA GAY age com todas as suas forças. As famílias brasileiras precisam unir-se cada vez mais para impedir a todo custo que venhamos ser intimidados.

Para alegrar a crentaiada desavisada, a Globo está preparando uma novela que terá uma personagem evangélica. ALEGRIA? Claro que NÃO. Não necessitamos mendigar nada da Globo. Para que todos saibam, a Globo também fará apologia ao casamento gay na novela evangélica. Mais tarde detalho sobre isto.

Chego a ‘pensar’ que Globo é mais sagaz do que o Diabo.

Holofote Net

Paulo Teixeira é carioca, administrador do Holofote.Net, Pastor evangélico da igreja Assembleia de Deus, e atua na internet como blogueiro e articulista, desde 2007, focando assuntos sociais, políticos e religiosos, analisando-os sob a ótica cristã. Licenciado em matemática pela Universidade Castelo Branco (UCB/RJ). Mestre em Engenharia Nuclear pelo IME. Doutor em Economia pela UFF. Pós-graduado em Auditoria e Perícia Contábil pela UNESA. Engenheiro de Fortificação e Construção (civil) pelo IME. Bacharel em Direito pela UFRJ (aprovado na prova da OAB-RJ). Bacharel em Ciências Militares pela Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN). Graduando em história pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO).

__________

Nenhum comentário: