5 de set de 2013

Os Membros e Congregados da Adesal Precisam Saber

Por Raimundo Campos


Temos vivido uma onda de indiferença e descrédito no meio do povo de Deus sem precedentes em nossa história. Tornamo-nos individualistas e nos aprisionamos em nosso mundo de egoísmo, a ponto de ficarmos incapazes de perceber o que há de bom no próximo, no outro. O nosso bem estar ficou acima da necessidade do próximo, nossos pensamentos e conceitos acerca dele vale mais do que ele realmente é. 
Uma história de decepções e de atitudes insanas de algumas lideranças formou, paulatinamente, uma geração incapaz de ver e acreditar no que de bom pode acontecer em nosso meio, em nossa instituição. Quem quer fazer alguma coisa digna e que contribua com o Reino de Deus, fica sozinho neste estado de coisas, pregando no deserto, clamando às escuras, sem nunca ter certeza de que será ouvido.
Para piorar, algumas lideranças, uma substanciosa parte, passam de largo e não olham para as coisas que são relevantes em nosso meio. Ocupam-se filosoficamente, mas não praticamente. Discutem, mas não executam, podem até incentivar, mas não participam. Podem até olhar atentamente, mas se descobrirá que foi apenas um ato do momento.
Os membros e congregados da Adesal (Assembléia de Deus em Salvador), precisam saber que coisas relevantes estão sendo feitas, apesar da atual conjuntura. Investimentos em vidas e no Reino de Deus estão sendo feitos todos os dias com o apoio do Presidente da Igreja, Pastor Israel Alves Ferreira, através da Semadesal (Secretaria de Missões da Adesal). 
Por favor, membros e congregados da Adesal, crianças, jovens, adolescentes, anciãos, Pastores e obreiros, atentem para a tarefa primordial da igreja na terra que é levar almas aos pés de Cristo! Nossa Igreja, apesar das dificuldades que temos atravessado, apesar do espírito de descrédito que opera em nosso meio, está investindo cerca de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais) mensalmente em sustento de obreiros nacionais e transculturais, em envio de missionários, na saúde deles, em passaportes e vistos, entre outros.
Hoje, a Adesal tem Missionários em várias partes do mundo, como: 
Pastores Adailton e Hilda em Foz do Iguaçu
Pastor Adamastor em Bolívia
Missionária Cláudia, na Índia.

Missionário Eduardo em África o Sul.


Missionários Jair, Deny e filhos
em Guiná Bissau/África
Pastores Gildo e Valdeci em Venezuela











Missionários Josemar e Esmeralda
em Equador

Pastores e José Luiz e Yomary
em República Dominicana
Missionária Maria das Neves em Argentina

Missionária Maria Helena no interior
de Guiné Bissau/África

Missionária Patricia Santo
em Cabo Verde/África

Missionária Sandra Marinho
Projeto Colombia

Missionários Toni, Rita e filhos
Gâmbia/África

Missionária Aracy/Projeto Interior da Bahia

Missionária Dalva - Presídios da Bahia


Missionários Taciano e Ednalva
em Mundo Novo/Bahia

Missionários Francisco, Edvaldina e Lucas
estiveram no Amazonas, estão na Base


Missionários Lucson e Irailddes
estiveram em Haiti, agora na Base.

Pr. José Paulo e Familia
Ibicoara/Bahia

Missionária Meible e família
trabalharam em Foz do Iguaçu e Paraguai.
Estão na Bese.

Missionários Tolga, Mirela e Nícholas
Espírito Santo.

Pastor João da Cruz
Sete Brejos - Santo Antonio/Bahia

Pastor Genilson e Família
Catu/Bahia

Pastor Helio Candido
Minas Gerais

Pastor Adailton Anjos e Família
Alemanha



Pastor José de Jesus
Teixeira de Freitas/Bahia.

Pastor Moses - Índia

Pastor Luis Carlos e Familia
Bolívia

Pastor Osvaldo Alves
Itatim/Bahia




Pastor Ednaldo Quinto e Família
Barra Grande de Marau/Bahia

Missionária Railda  (Tia Ray)
Ministério com crianças - Base



Missionária Eli Rosangela
Auxilia Missionários Transculturais.
Está Base.

Missionária Silvina
Auxilia Missionários com treinamentos
e trabalhos com crianças.



Para continuar mantendo esses obreiros e enviando outros, a Semadesal vem incentivando o Culto de Missões que deve acontecer todo segundo domingo de cada mês, por determinação da Diretoria da Igreja. Além disso, a Semadesal mantém uma rede de relacionamentos com Coordenadores, Secretários de Missões e a Igreja quer vai, desde reuniões mensais no templo da Liberdade, até a comunicação por este blog, nosso perfil no Facebook e envio de torpedos e emails. 
Oração em uma de nossas reuniões.
Além disso, a Semadesal investe em treinamento para Coordenadores e Secretários de Missões desde 2011 e realiza bienalmente a Mobilização Missionária como forma de conclamar a Igreja para a obra missionária. 
Deus tem nos dado uma visão sobre missões que envolve o treinamento de candidatos a missões, abertura de novos projetos missionários como um entre índios, por exemplo, a criação da Escola de Missões e um programa de Apoio Logístico e Emocional aos Missionários na Base.
A Semadesal não envia missionários, apenas gerencia o processo de envio e sustento. Quem envia é a Igreja através de seu Pastor Presidente. Todavia, a Secretaria de Missões só realiza seu trabalho com a ajuda da Igreja e o empenho de seus pastores. Esta não é uma causa da Secretaria, nem de seus Diretores, é uma causa de todos, de cada Pastor de Setor, de cada Pastor de Congregação, de cada membro e congregado!
Temos nos reunido para orar toda sexta-feira, das 10:00h. às 12:00h. para que o Senhor desperte a igreja em Salvador e para que o sustento de nossos missionários seja garantido pela fidelidade nas arrecadações das ofertas missionárias.
A 2ª Mobilização Missionária, que acontecerá de 01 a 03 de novembro, é uma forma de envolver a Igreja em Salvador com missões, é um a forma de falar de frente com cada membro e congregado da Igreja e mostrar-lhe seu papel neste processo.
Venha se envolver. Envolva-se em sua congregação. Procure seu Pastor, Coordenador ou Secretário de Missões. Participe de nossas reuniões. A próxima reunião será 19/09, venha conhecer mais de perto o que a Adesal está fazendo por missões.



2 comentários:

Unknown disse...

Paz. Aqui em Cajazeiras 8 (setor 23) distribuímos 100 cofres para o NATAL MISSIONÁRIO, deste o mês de agosto, e graças a Deus, não sobrou um. Fica como sugestão para os demais irmãos.

Vamos fazer economias desde já!!!

Paz.

Carlos Gomes

Pr. Raimundo Campos disse...

Parabéns Carlos Gomes pela iniciativa. Ano passado, os irmãos de Pitangueiras no Setor 22, fizeram o mesmo e arrecadaram cerca de R$ 3.000,00. Já no setor 32, começou desde abril a campanha das moedas com um cofrinho em cada congregação neste ano. Ouço falar de outras congregações que tem usado esta estratégia e ela tem dado certo. Que Deus te abençoe e que todos do setor 23 sejam enriquecidos no Senhor. Grande abraço.