3 de out de 2014

Outubro Rosa, Um Alerta Contra o Câncer de Mama


Não sou especialista na área, claro. Todavia, como líder e tendo em minha comunidade cristã as mulheres como maioria dos fiéis e tendo ainda que sofrer junto com uma mulher, nossa irmã em Cristo que recentemente, vitimada pelo câncer de mama, sofreu uma cirurgia onde perdeu uma das mamas e sendo incentivado por minha amiga, Missionária Andréa Reis, me sinto na obrigação de vestir esta camisa e alertar as mulheres, não só em nossas igrejas, mas como as mulheres de uma forma geral. O Câncer de Mama, se diagnosticado a tempo, tem cura.
O brasileiro é conhecido por sua negligência quando o assunto é saúde. Sempre adiamos decisões importantes em relação à nossa saúde e depois pagamos um alto preço! As informações que deixarei aqui nesta página são de sites e periódicos que falam do assunto. É hora de levarmos a sério este alerta, pois o câncer, independente de ser o de mama, tem sido um dos diagnósticos mais comuns nos consultórios médicos.
Segundo o site Minha Vida,  O câncer de mama é um tumor maligno que se desenvolve na mama como consequência de alterações genéticas em algum conjunto de células da mama, que passam a se dividir descontroladamente. Ocorre o crescimento anormal das células mamárias, tanto do ducto mamário quanto dos glóbulos mamários. O câncer da mama é o tipo de câncer que mais acomete as mulheres em todo o mundo, sendo 1,38 milhões de novos casos e 458 mil mortes pela doença por ano, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). A proporção de câncer de mama em homens e mulheres é de 1:100 - ou seja, para cada 100 mulheres com câncer de mama, um homem terá a doença. No Brasil, o Ministério da Saúde estima 52.680 casos novos em um ano, com um risco estimado de 52 casos a cada 100 mil mulheres. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Mastologia, cerca de uma a cada 12 mulheres terão um tumor nas mamas até os 90 anos de idade.
O Movimento Outubro Rosa é uma iniciativa que começou nos Estados Unidos pelos idos de 1990, na cidade de Nova York. Para chamar a atenção para os perigos do câncer de mama, entidades americanas passaram a colorir de rosa monumentos importantes em várias cidades, alavancando assim o movimento e chamando a atenção da sociedade.
A primeira iniciativa vista no Brasil em relação ao Outubro Rosa, foi a iluminação em rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista (mais conhecido como o Obelisco do Ibirapuera), situado em São Paulo-SP. No dia 02 de outubro de 2002 quando foi comemorado os 70 Anos do Encerramento da Revolução, o monumento ficou iluminado de rosa "num período efêmero" como relembra o secretário da Sociedade Veteranos de 32 - MMDC, o Coronel PM (reformado) Mário Fonseca Ventura. Essa iniciativa foi de um grupo de mulheres simpatizantes com a causa do câncer de mama, que com o apoio de uma conceituada empresa européia de cosméticos iluminaram de rosa o Obelisco do Ibirapuera em alusão ao Outubro Rosa.
Neste mês de outubro vamos todos, pastores, maridos, filhos, incentivarem nossas ovelhas, esposas, filhas, sobrinhas, avós, amigas, vizinhas a procurarem um Posto de Saúde mais próximo de suas residências e tomarem informações, marcar um exame. Mulheres com menos de 40 anos devem fazer toques como recomendados e mulheres a partir dos 40, devem fazer a mamografia. Além disso, devem conversar com um profissional de saúde e ficar por dentro do que é a doença, como diagnosticá-la e tratá-la. Lembrem-se: se diagnosticado a tempo, o câncer de mama pode ser tratado e erradicado. 
O vídeo abaixo é do artista Lucas Lucco e traz um alerta para este problema assista o vídeo até o final e veja histórias de pessoas que venceram o câncer de mama. Não deixe que o câncer de mama interrompa precocemente sua vida. Procure agora orientação em seu bairro em um Posto de Saúde.


Nenhum comentário: