24 de jun de 2015

Lideranças de Departamentos Que Vem Dando Certo na Adesal


A Assembléia de Deus em  Salvador tem um costume de sempre mudar as lideranças de Congregações e Departamentos. Isso, às vezes, pode ser salutar. A alternância de poder nas posições estratégicas de funções no corpo de Cristo, pode, de certa forma, facilitar a entrada de novas lideranças, o aparecimento de novos talentos e até mesmo, ser uma saída para problemas que surgem no exercício dessas funções. Todavia, essas mudanças, quando atendem a interesses e são fruto de manobras políticas e meramente interesseiras, podem se constituir em verdadeiros entraves para a obra de Deus.
Lideranças que dão certo, que são exercidas sob uma visão do Reino, onde homens e mulheres tementes a Deus fazem o melhor para que a obra de Deus avance, onde vidas são abençoadas, salvas restauradas, consolidadas, não devem ser mudadas salvo se tal mudança for extremamente necessária. Percebo que na Adesal, devido a alguns maus exemplos que já tivemos, desenvolvemos a mania de criticar as lideranças e não percebermos aquelas que estão dando certo. 
Existem ótimas lideranças em nossa igreja, gente que, muitas vezes, sem recursos e sem o apoio devido, desenvolvem trabalhos que só a eternidade revelará os frutos! Tenho observado dois dos departamentos mais delicados de nossa igreja: jovens e adolescentes. Em postagem sobre os jovens da Adesal, falei que estamos nos alegrando com o crescimento do número de adolescentes e ficando indiferentes com a diminuição do número de jovens! Mas temos que dizer também que a liderança de jovens e a dos adolescentes desenvolvem um trabalho sem precedentes na história desses dois departamentos na Adesal!
Pr. Rômel Santos,
Diretor da Umadsal
Este ano tivemos um dos melhores congressos de jovens dos últimos dez anos! O Diretor da Umadesal, Pr. Rômel Santos, levou a juventude para o Parque de Exposições durante três dias e proporcionou momentos de louvor e meditação da Palavra de Deus que ficarão marcados na vida de quem foi ao Congresso. O formato inovador do Congresso, a proposta ousada, causou comentários por parte da ala conservadora da igreja que beirou ao preconceito e à falta de conhecimento. Os custos do Congresso que deveriam ser de responsabilidade da Igreja, ficou por conta dos organizadores do evento que ainda tiveram de gerenciar os"prejuízos"! Quem de nós pastores e obreiros fez menção ou publicou um elogio? Quem de nós apertou a mão desta liderança e encorajou com uma palavra de agradecimento ou estendeu a mão para ajudar a pagar as contas?
Já a liderança dos nossos adolescentes em Salvador, vem desenvolvendo um trabalho digno de nota! É claro que a glória de tudo é de Deus! Todavia, não reconhecer o esforço de gente como o Presbítero Ney Deus e equipe, que consegue levar cerca de
Ney Deus, Diretor do DEPAD
1.000 adolescentes numa noite em meio de semana para a Barra, por exemplo, ou mobiliza-los para um trabalho evangelístico extremamente estratégico em grandes centros da cidade de Salvador, é no mínimo sermos insensíveis.
Quem vai à Adesal Paralela às sextas-feiras, pode participar do Culto Teen, um culto feito para adolescentes com cara de adolescente e que atrai gente de todas as idades! O culto é criativo desde as chamadas pelas redes sociais que esta semana, por exemplo, desafia os adolescentes a descobrirem o tema do culto através de uma charada. Além da criatividade em cultos e trabalhos evangelísticos, o DEPAD, desenvolve todas as suas atividades a partir de um tema para o ano. Em 2015, por exemplo, o tema está em torno de missões e, por isso, periodicamente, é feito um treinamento que visa despertar as vocações e o desejo por missões. O projeto terá sua culminância com a Feira das Nações que deverá acontecer de 30/10 a 02/11 no Parque de Exposições. 
Essas duas lideranças tem feito sua parte, tem se esforçado e não tem se intimidado diante de comentários preconceituosos e infundados, nem diante dos obstáculos encontrados justamente onde não deveriam encontrá-los. Penso que eles nos ajudam, são nossos parceiros na tarefa de apascentar esta parte do rebanho que precisa de cuidados específicos. Os Diretores Rômel Santos e Ney Deus, são lideranças de Departamento que vem dando certo na Adesal!

12 de jun de 2015

As Cinco Verdades do Amor de Deus




“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. ” João 3:16

Este texto de João, além de ser o mais célebre da Bíblia, aponta-nos cinco verdades incontestáveis do amor de Deus que quero compartilhar com você.

Primeira verdade: O texto diz: “Deus amou...”. Esta é uma verdade elementar em toda a Bíblia. É Deus quem primeiro nos manifesta seu amor. Tínhamos que ir a Ele, mas foi Ele quem tomou a iniciativa de vir até nós! Quando o homem pecou no Éden, foi Deus quem veio ao seu encontro. Enquanto o Criador, ofendido pela desobediência do homem, chamava-lhe insistentemente, o homem conscientemente se escondia dEle (Gênesis 3: 8-10). Jesus disse em João 15: 16 que foi decisão dele nos escolher e que nós não escolhemos! Na noite em que os anjos apareceram aos pastores nas campinas de Belém para anunciar o nascimento do Salvador, os eles cantaram: “ Glória a Deus nas alturas, Paz na terra, boa vontade para com os homens. ” Lucas 2:14. Veja: “... boa vontade para com os homens! ” Este pequeno trecho de Lucas mostra-nos que o Eterno Criador manifestou sua vontade de salvar o homem, manifestou seu amor, tomou a iniciativa de perdoá-lo! Esta é uma verdade incontestável: Deus te ama antes mesmo de você ter imaginado sua existência!

Segunda Verdade: “ ...amou o mundo... “. A segunda verdade é que o amor de Deus é global, isto é, todos, indiscriminadamente, são alvos do seu amor. Não há um ser humano que não seja amado por Ele. Por isso Paulo disse escrevendo a Tito, no capítulo 2, versículo 11: “Porque a graça salvadora de Deus se há manifestado a todos os homens. “ Isso porque a Escritura afirma em Romanos 2: 11 que Deus não faz acepção de pessoas! Um coração perdoador como o de Deus não poderia excetuar quem quer que fosse, casa indivíduo é criatura de suas mãos, seres criados para o louvor de sua glória e Ele deseja que sejamos reconciliados com Ele por intermédio de seu Filho Jesus> Sim, Deus amou o mundo, Ele amou você com seus sonhos e projetos, Ele te ama como você é!

Terceira Verdade: o texto diz que este amor global foi de “ ...tal maneira... “. Essa foi a expressão usada pelo próprio Jesus! Uma expressão que denota uma forma indescritível de amar. Seu amor não pode ser dimensionado, jamais será entendido por qualquer mente humana. Um Deus Eterno e Santo que ama suas criaturas mesmo elas tendo se distanciado dele! Paulo, escrevendo aos Efésios 2: 4, disse: “Mas Deus, que é riquíssimo em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou... “ Seu muito amor foi a forma que Paulo encontrou para expressar a incompreensível bondade de Deus para conosco. João, o Apóstolo do Amor chegou a dizer que este amor é tão grande que nos fez filhos de Deus! (1 João 3: 1). Não há amor maior que esse, seu amor por você e por mim é incomparável, um amor que está acima de todos no universo. Este amor é capaz de perdoar os pecados e tornar justo o mais de todos os pecadores (1 Co. 6:11).

Quarta Verdade: “ ...que deu o seu Filho... “A quarta verdade, tão preciosa quanto as demais, é que seu amor não é apenas filosófico e não é de palavras. O texto diz que Deus deu o seu Filho! É um amor em obras! “ Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores. ” Romanos 5:8. João disse que o amor de Deus é manifestado no fato de Jesus ter morrido por nós! “Nisto se manifestou o amor de Deus para conosco: que Deus enviou seu Filho unigênito ao mundo, para que por ele vivamos. “ 1 João 4:9. O amor de Deus é real e doador, Ele se materializou em Jesus, Ele não apenas disse que nos ama, Ele provou isso enviando seu Filho. Você poderia imaginar que pudesse ser amado por Deus a este ponto?

Quinta Verdade: Finalmente o texto diz: “ ...para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. ” Todo o amor de Deus, todo seu sacrifício em enviar seu Filho para morrer por nós tem um objetivo. Sua vontade é que nos reconciliemos com Ele. “O qual se deu a si mesmo por nossos pecados, para nos livrar do presente século mau, segundo a vontade de Deus nosso Pai ” Gálatas 1:4. Todo um plano foi elaborado pelo Criador, antes da fundação do mundo (Efésio 1:4), todo um sacrifício foi feito. Jesus veio nascer, viver e morrer entre nós, apenas com este objetivo: nos oferecer a vida eterna! Hebreus 9: 26 mostra que Jesus se manifestou no tempo determinado com o objetivo de anular o efeito do pecado sobre nós. Salvar-nos, foi o motivo pelo qual Jesus morreu por você e por mim!

Agora que você conhece as cinco verdades de seu amor e como você é amado por Ele, permita que Ele entre em teu coração e faça morada em você (João 14:23). Ele está agora batendo à porta de teu coração (Apocalipse 3:20). Pense em seu amor agora onde você estiver e convide-o a entrar e mudar totalmente tua vida. Você não precisa fazer nada, tudo já foi feito por Jesus na cruz, apenas confesse diante de seu amor que você é pecador e que está arrependido dos seus pecados e que acredita que Ele pode perdoá-lo. (Romanos 10; 9, 10)

10 de jun de 2015

Projeto Púlpito Urbano

Recebi ontem em meu gabinete uma turma de jovens, a maioria casada. São rapazes que conheço desde que fui pastor pela primeira vez em Rio Sena, em 2009. A rapaziada me apresentou um projeto que, apesar de não ter dito a eles, estava no meu coração a muitos anos: levar o púlpito para a rua, oferecer aos moradores da comunidade aquilo que teimamos em oferecer somente entre as quatro paredes do templo. Transformar cada esquina de nossa tão sofrida comunidade um lugar de adoração e de ministração da Palavra de Deus, não de pregação emocionalista e sensacionalista, mas aquela que se traduz num falar à mente de nossa gente tão sofrida. Se Cristo fez isso, se Ele foi capaz de estar o tempo todo nas casas, nas aldeias, fazendo de cada canto das ruas o seu púlpito, de cada barquinho o seu altar, olhando nos olhos das pessoas, comunicando vida, esperança numa linguagem simples e ao mesmo tempo arrebatadora, porque nós seus seguidores teimamos em ser os ministros do templo e nada mais. Pior: transformamos o evangelismo em ar livre num culto totalmente diferente daquele que fazemos no templo!
Mas a galera de Púlpito Urbano resolveu levar o culto para a rua, com os mesmos elementos: boa música, alegria, testemunho e pregação. Na semana passada, no largo da Rua do Lírio, 7 vidas decidiram-se ao lado de Cristo! Uma noite especial que motivou os envolvidos no projeto a continuar levando Cristo a esta comunidade do subúrbio tão carente de Cristo e sua Palavra.
O próximo Púlpito Urbano acontecerá na região de Ilha Amarela, próximo ao cruzamento  Rio Sena X Terezinha e da Caixa D'água. 

video