4 de nov de 2016

Porque não concordo com o chamado "Culto das Maravilhas" - Parte 1

2 comentários:

jorgebatera disse...

amado pastor, a paz do Senhor. venho comentar em sua página e desde já nao entendo seu discurso, ora a favor, ora contra a adesal x ceadeb. creio que até o momento nao entendi essa preocupaçao excessiva pelo assunto ou contexto. até o momento nao entendi de que lado o sr. está. sou assembleiano a mais de 40 anos, desde o tempo do saudoso pr. Rodrigo Silva Santana. sou ceadebiano, vim do interior pra salvador com carta e apresentei aqui em salvador, quando no tempo houve decada da colheita, dinheiro pra comprar a radio cruzeiro, pra construir o terreno na paralela, pra comprar cimentos da construçao da paralela(encargo que cada congregaçao de salvador daria (x) sacos de cimento, depois projeto pra contruir casas populares e quem pagou ate hoje nao viu a casa construida ou o dinheiro de volta... pois é... passei pelo processo de setorizaçao das congregaçoes em salvador. visto desse angulo podem pensar... essa cara é presbitero, pastor, ou ''obreiro''' nã, nã nã... sou apenas um membro congregado e nunca me preocupei quem dirija ou administre a instituiçao Assembleia de Deus. porém analizando seus comentarios... até hoje nao entendo o que o senhor quer, qual lado está ou pra quem voce acha estar certo. por favor se explique, ou... qual seu papel como servo de Deus neste contexto? voce é a favor do primeiro que ficou devendo grana pra convençao, pra os segundos que buscaram seu papel como administrador eclesiastico da convençao... ou o senhor ainda nao tem um direcionamento?. se possivel me responda, grato. jorgsifreitas@gmail.com

Pr. Raimundo Campos disse...

Caro "jorgebatera", paz. Primeiro, é preciso dizer que seu comentário não tem nada haver com a postagem onde você comenta! Segundo, me parece que você é mais um levado pelo que ouve do que pelo que lê. Pois quem lê meu blog sabe muito bem do meu posicionamento, basta ler! Terceiro, você se contradiz vergonhosamente. Observe o que você escreve em seu desnecessário comentário: Primeiro você escreve: "...nunca me preocupei quem dirija ou administre a instituiçao Assembleia de Deus." Observou? Mesmo com todo problema que você elenca antes, você diz que nunca se preocupou! Agora sou eu que quero saber que tipo de crente você é, que vê tantos erros e não se preocupa! Depois você pergunta: "voce é a favor do primeiro que ficou devendo grana pra convençao, pra os segundos que buscaram seu papel como administrador eclesiastico da convençao..." Sinceramente, quem tem que responder o que quer é você meu amigo, pois primeiro você diz que é apenas um membro congregado que nunca se preocupou com os problemas da igreja, agora, nesta segunda parte você já coloca a igreja como devedora e a convenção como "administradora eclesiástica"!
Então, você além de se contradizer, não trz nenyuma novidade em seu comentário, você é mais um a favor da Ceadeb e contra a igreja, onde você diz que está a mais de 40 anos! Quer dizer, a igreja te acolheu, você cresceu no seio da igreja, aprendeu no seio d igreja, deve ter vivido momentos especiais no meio desta igreja, mas agora o senhor resolveu que porque os líderes dela erraram, o senhor que nem ministro é, está do lado da Ceadeb! Me faça uma garapa meu amigo! Eu estou bem resolvido, sou a igreja e quanto aos líderes da Adesal ou Ceadeb, eles que prestem contas a Deus. E o senhor vê se decide o que quer d vida! Abraço!